COMPRO MATERIAL DA FEB: JULIOZARY1997@GMAIL.COM

sábado, 25 de fevereiro de 2012

AINDA HÁ ENFERMEIRA VIVA

Há pouco tempo atrás noticiamos o falecimento da última enfermeira da FEB ainda viva. Na semana passada tivemos a informação que isto é uma inverdade, uma vez que ainda há duas delas, provavelmente ambas em Belo Horizonte.

DISTINTIVO ITALIANO DE "Addestramento in Germania"

Este distintivo é um tanto incomum, inclusive para os colecionadores de peças do III Reich. O distintivo de "Addestramento in Germania", também conhecido como Distintivo de treinamento RSI, foi distribuído aos membros das 4 Divisões italianas que completaram o treinamento na Alemanha, durante a guerra, a saber: Italia Divisione, Littorio Divisione, San Marco Divisione e Monte Rosa Divisione.

Alguns febianos trouxeram distintivos do tipo deste como souvenir. Inclusive este veio para o Brasil desta maneira, em 1945.

Este distintivo pode ter a cor bronze ou prata. Os em bronze eram detinados aos Oficiais, enquanto os em prata para os praças.

Este modelo foi fabricado na Alemanha. Há, também, modelos ligeiramente menores, fabricados na Itália por Lorioli, um conhecido aresão local.





Segue uma foto de uniforme italiano com o distintivo em questão.



Fonte: WAF

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

SOUVENIR PORTA-TRECOS FEB

Este souvenir é extremamente incomum. Semelhante a este, não vi nehum outro por ai, até hoje.

Incrivelmente bem feito por um artesão de madeira italiano, este souvenir foi, provavelmente feito sob encomenda, em 1945.

Além de ter sido bem talhado e pintado, as partes em tecido são feitas exatamente com o mesmo material da construção dos patches fabricados na Itália.

Este item ocupará um espaço de destaque na coleção, por ser um item bem feito, grande e diferente.







Obrigado novamente a quem nos forneceu este material.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

CINZEIRO DA FEB FEITO EM LOUÇA NA ITÁLIA

Este cinzeiro é bem bacana, pois foi feito especificamente para a FEB, e não o geralmente encontrado do 5º Exército.

Este foi fabricado por Richard Ginori, um famoso artesão italiano na época da guerra.

Seguem as imagens de uma das últimas aquisições:





Obrigado ao nosso amigo e colaborador por disponibilizar esta peça.

domingo, 19 de fevereiro de 2012

LIVRO PISTÓIA - QUADRA 28



A minoria dos livos que conhecemos sobre a FEB são romances. O escritor Paulo Paiva nos enviou uma sinopse de sua mais nova obra:

"O livro versa sobre um grupo de soldados subitamente retirados de suas vidas e enviados para a guerra, num lugar em que eles nem sabiam onde seria. É um livro simples, falando de sentimentos. O autor é Oficial da Marinha, retirado. Ele faz parte da SOBRAMES (Sociedade Brasileira de Médicos Escritores) e UBE (União Brasileira de Escritores). Já editou publicou cinco livros: "O Avestruz Voador", contos e crônicas; "Cabanga Club", contos; "Ponte Giratória", crônicas; "Cais da Alfândega Blues", crônicas; e agora "Pistóia, Quadra 28", romance.

O livro pode ser encomendado através do e-mail: paivap50@gmail.com

A remessa é feita pelos Correios."

sábado, 18 de fevereiro de 2012

DIPLOMA DA CRUZ DE MÉRITO DA CRUZ VERMELHA 1945

Este diploma é bem interessante. Ele faz alusão à concessão da Cruz de Mérito da Cruz Vermelha Brasileira, instituída pelo Decreto-Lei nr 7.928, de 3 de setembro de 1945.

Apesar de não ser uma medalha febiana, alguns militares da FEB a receberam, como o Coronel Caiado de Castro. Como vimos em um dos posts, meses atrás, as medalhas concedidas às enfermeiras eram diferentes desta.





MEDALHÃO DA COEGUE ÄS ENFERMEIRAS DA FEB

Este medalhão é, por enquanto, uma incógnita. As únicas informações disponíveis são: foi mandada cunhar pela COEGUE, e em homenagem às enfermeiras da FEB.

A COEGUE foi a Comissão Executiva do Estado de Guerra. Criada em 1937, por Getúlio Vargas, existiu no período da Segunda Guerra Mundial.

Porém, carece de informações sobre a própria comissão, uma vez que não sabemos até quando durou ou exatamente qual era a sua missão. Isso nos daria uma pista sobre até que ano esta medalha pode ter sido cunhada.



domingo, 12 de fevereiro de 2012

DIPLOMA DA ORDEM DO FOLE

Novamente fugindo do assunto FEB, mas com a Segunda Grande Guerra ainda em foco, apresentamos um item pouco conhecido, mesmo entre os colecionadores.

Trata-se de um diploma da Ordem do Fole. Esta Ordem foi criada para levantar fundos, de modo a comprar aviões para a RAF (Real Força Aérea Britânica), durante a II Guerra. Os aviões em questão eram os Spitfire.

Esta iniciativa ocorreu em outros países também. Consta que um dos aviões comprados com este dinheiro fora denominado Brazil.

É de se notar a figura na parte superior do diploma, onde aparecem as siglas da RAF e da recém-criada FAB.

Apesar de não ser datado, este diploma foi confeccionado entre 1942 e 1945.



sábado, 4 de fevereiro de 2012

PATCHES PÓS-GUERRA DE UNIDADES FEBIANAS

Estas peças são bem interessantes, apesar de não serem propriamente da FEB. São peças de unidades que foram febianas, por isso detêm a cobra fumando em seus respectivos símbolos.

Primeiramente um patch do 9º Batalhão de Engenharia de Combate, de Aquidauana - MS.



Em seguida, um do 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve, de Barueri - SP.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

VOCÊ SABE DE ONDE EU VENHO......

Acompanhe, em Zero Hora (um jornal do sul do Brasil), todos os sábados, o folhetim “VOCÊ SABE DE ONDE EU VENHO”, narrativa épica sobre a participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial, escrito por Tabajara Ruas.


Corram, ou melhor, leiam, que o escritor já publicou o terceiro capítulo....

Acessem: http://vocesabedeondeeuvenho.blogspot.com/

Enviado por Ivan Roberto, disponível em: www.hmmb.com.br/forum