COMPRO MATERIAL DA FEB: JULIOZARY1997@GMAIL.COM

quarta-feira, 23 de maio de 2012

MONUMENTO AOS PADIOLEIROS DA FEB

Fuçando na internet, nos deparamos com esta foto interessante. Trata-se da INAUGURAÇÃO DO MONUMENTO AOS PADIOLEIROS MORTOS NA SEGUNDA GUERRA, localizado na Vila Militar, entre 1958/60. Copiei ipsiliteris o texto sobre a foto, de autoria de Roberto Tummineli. ARQUIVO DE FAMILIA DE ANTONIO CARLOS DE OLIVA MAYA Outra foto do fantástico arquivo de família do amigo Antonio Carlos. Dessa vez temos a cerimônia de inauguração do monumento aos 8 padioleiros mortos no Teatro de Operações da Itália, na Segunda Guerra Mundial. O monumento ficava no 1º Batalhão de Saúde na Vila Militar, em Magalhães Bastos, na Zona Norte do Rio. Nessa época o pai de Antonio Carlos, o Tenente Coronel Tito Maya comandava o Batalhão. Essa é minha homenagem hoje dia do soldado a esses 8 heróis que arriscaram suas vidas em detrimento à vida de seus companheiros que sem o mínimo de subsídios embarcaram para uma das mais sangrentas guerras da humanidade. Hoje esses oito estão esquecidos, inclusive no site do Exercito Brasileiro que não menciona o monumento em sua homenagem.
O local, hoje em dia, pertence ao 25 Batalhão Logístico, uma das Unidades da 9 Brigada de Infantaria Motorizada. O referido monumento não existe mais.

3 comentários:

  1. Se o monumento n existe mais para onde foram os corpos dos nossos heróis?

    ResponderExcluir
  2. Caro Evandro, nesse monumento não havia corpos. Todos os restos de pracinhas tombados em combate estão no Monumento aos Mortos da II Guerra Mundial, no aterro do Flamengo, aqui no Rio.

    ResponderExcluir